…uma foto! – Homer Spit, Alaska

sde

homer_map

…no Alaska, naquela altura do ano, era de dia por um período de 22 horas, e nas restantes 2 horas, era só um pouco escuro, portanto, dormíamos quando o sono chegava, pois era quase sempre de dia!

 …seguimos por algumas horas, pela estrada número 3, apreciando vales e montanhas, lagos e pequenos ribeiros, aqui e ali pequenas povoações, onde em todas sempre havia um grande letreiro à entrada dizendo que ali sim, era a capital da pesca ao salmão, com uma grande fotografia de um salmão maior que a dita povoação!.

579547_447027518659068_435370487_n

…vista de Homer Spit!

…uns quilómetros depois, entrámos na estrada número 1, rumo ao sul, até Homer, que muitos chamam “fim da estrada”, querendo dizer que para a frente é só água, e na verdade é, pois está localizada no sudoeste da península do Kenai, e destingue-se, porque tem um cabo de terra, a que chamam de “Homer Spit”, em parte feito pelo homem, que entra pela baía de Kachemak, por uma distância de aproximadamente 4,5 milhas, ou seja 7,2 quilómetros, que dizem que é a estrada mais longa, entrando em águas do oceano em todo o mundo!.

3785010-Homer_Spit_Fishing_Hole_Homer

…”The Nick Dudiak Fishing Lagon”!

26030388

…outra imagem de “The Nick Dudiak Fishing Lagon”!

26030395

…zona de combate, no “The Nick Dudiak Fishing Lagon”!

Scanned Image 7

…Tony pai, e Tony filho, no “The Nick Dudiak Fishing Lagon”!

…onde por sua vez, existe uma entrada artificial de água, (fishing hole), a que orgulhosamente chamam “The Nick Dudiak Fishing Lagon” e, quando a maré sobe enche essa área onde faz a delícia dos pescadores!.

800px-Homer_Spit_AK_-_beach_scene

…pequenos restaurantes!

…também tem muitos pequenos restaurantes ao longo desse cabo de terra!.

Scanned Image 14

…o Tony pai, a mãe Isaura e o filho Tony, em frente à marina!

…tem lá uma marina só para barcos de pesca!

Homer Spit Houseboat

…quando a maré está baixa, reparam os barcos, este serve de residência!

…nas suas proximidades, quando a maré está baixa, fica uma área de quilómetros seca, onde muitos aproveitam para fazer reparações no casco dos barcos!.

ar120056835153916

…o famoso Salty Dawg Saloon!

Scanned Image

…Tony pai, e Tony filho, em frente ao Salty Dawg Saloon!

…também lá existe o famoso Salty Dawg Saloon, que é considerado um monumento em Homer, pois foi uma das primeiras casas construídas no “Homer Spit”, por volta do ano de 1897, servia de farol de sinalização, casa dos correios,  estação dos caminhos de ferro, loja de conveniência e escritório de uma companhia de minas de carvão por muitos anos, em 1909, fizeram uma segunda casa, que serviu de escola, correios e loja de conveniência, mais tarde foi casa onde viveram três adultos e 11 crianças, em 1940 um homem de negócios comprou o edifício e passou a ser o escritório da Standard Oil Company, e finalmente em 1957, abriu como Salty Dawg Sallon, que é um bar típico do Alaska, como era no princípio do século passado, com o chão térreo e serradura no chão, onde se pode falar de tudo, mesmo dizendo asneiras, cuspindo no chão, pondo as cascas dos amendoins no chão, e fazendo tudo o que nos der na real gana, como é normal dizer-se, claro sem insultar ou provocar alguém, e beber cerveja local à temperatura da casa, por canecas muito grandes, algumas de barro ou porcelana!.

Homer_Eagles2

…as águias de colar branco andam por ali!    

Multiple Bald Eagles On & Landing On Perch KP Alaska Winter Homer Spit

…às vezes vão pescar!

…para tudo isto, além de talvez ser o local em todo o território do Alaska onde existe a maior comunidade de águias de colar branco, que passam o tempo pescando!.

205470_10150149986664514_6909428_n

…limpando um halibut! 

…aqui passámos dois dias, pescando e convivendo com outras pessoas que lá estavam, vindas dos mais diversos pontos dos USA, também com a intenção de pescar. Se for um pescador com alguma sorte, (só pode pescar 2 peixes grandes por dia e por pessoa, depois de adquirir a respectiva licença), pode enviar o peixe já limpo para casa, por intermédio de um armazém frigorífico especializado que lá existe, assim como alguns apetrechos de pesca, que não possam vir no avião de regresso!

Até qualquer dia, de novo viajando.

Tony Borie, 2013.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s