…da Florida ao Alaska, guiando um Jeep com uma Caravana!. (15)

11

…companheiros de viagem, este é o resumo do décimo quinto dia!. (15)

IMG_2234

tokCutoff

…na cidade de Tok, onde marca o “Historic Milepost 1314” e, onde dormimos, pela manhã tomando um copo com café, uma pessoa ao nosso lado, aqui residente há muitos anos, mas que tinha vindo das ilhas do Hawai, querendo saber de onde éramos oriundos, começou por explicar, que a cidade de Tok, começou a ter alguma visibilidade a partir do ano de 1942, quando do início da construção do “Alaska Highway”, pois passou a ser um grande campo de construção e maintenance desta famosa estrada, até lhe chamavam o “Million Dollar Camp” e, até aquela data, era conhecida como uma aldeia onde viviam os “Athabascan”, um povo que aqui caçou, pescou e viveu por séculos!.

74608609

…estávamos, mais ou menos a 100 milhas da fronteira com o Canadá, quando compráva-mos alguma gasolina, o condutor de uma caravana, que regressava da fronteira, tentando lavar a zona das “manetes” das portas do seu veículo, explicou-nos que a estrada estava em construção a partir do quilómetro 15 ou 20, dentro do território do Canadá, para nos preparar-mos para muitas paragens, mas com o nosso equipamento, não iríamos ter muitos problemas, ele sim, teve e, pelo aspecto da viatura, devia mesmo de ter tido!.

40957554

…a estrada até à fronteira, estava em condições razoáveis!.

DSCF9089

…pequenas povoações, onde vendiam produtos do Alaska, algumas dizendo que era a última oportunidade para comprar!.

DSCF9090DSCF9105

…a fronteira chegou, tudo em ordem, sempre perguntam se levamos bebidas com álcool, dissemos que sim, eram ainda algumas garrafas de vinho que tinham vindo da origem, ou seja da nossa casa na Florida, o funcionário, riu-se e desejou-nos “bon voyage”, em francês!.

OLYMPUS DIGITAL CAMERADSCF9098

…depois da fronteira, algumas fotos!.

Day7_Border1800px-Alaskayukonbench

DSCF9091DSCF9101

…entrando de novo na província do Yukon!.

DSCF9106DSCF9107

…e ei-nos na estrada, onde começou a aparecer as tais obras de manutenção!.

DSCF9108DSCF9109

…com paragens sucessivas, longas esperas pelo “carro piloto’!.

DSCF9224IMG_2839

…onde as pessoas aproveitavam para sair das viaturas, tirar fotos do cenário, ou conversar, começando até novos conhecimentos!.

beaver_creek_sign_1

…parámos na povoação de Beaver Creek, que marca o “Historic Milepost 1202”, onde dizem que é uma comunidade, com poucos habitantes, pois além de ser a residência dos empregados do “Canada Border Services Agency”, tem só algumas “cabanas”, para turistas que aqui querem passar algum tempo, pescando nos dois pequenos rios que por aqui passam.

DSCF9110

…continuámos a nossa rota, rumo ao leste, paragens frequentes, desvios de estrada!.

IMG_2845IMG_2843

…parando na povoação de Burwash Landing, que marca o “Historic Milepost 1093” e, que é uma pequena comunidade, encostada ao “Kluane Lake”, que é um grande e bonito lago, que primeiramente foi usada como “campo de férias de verão”!.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

…até começar a ser um “posto avançado de trocas ou comércio”, que os irmãos Jacquot, por volta do ano de 1900, aqui construíram.

6_10_06_126

…um tempo depois, pois de acordo com os habitantes daqui, a distância não conta, o que conta é o tempo e, medem a distância de uma povoação a outra, pelo tempo, não pela distância, ei-nos na povoação de Haines Junction!.

800px-Haines_junction

…que marca o “Historic Milepost 1016”, que também começou a ter alguma visibivilidade por altura do ano da construção do “Alaska Highway”!.

frequency0366wk

…sendo neste momento um importante encontro de duas estradas, pois daqui segue a estrada número 3, com destino ao sul da província de Yukon. Antes, dizem que por mais de dois mil anos, era um campo de caça e pesca que o povo,  “Southern Tutchone”, usava em algumas estações do ano!.

13

…em algumas zonas, a estrada não estava marcada, era “pedra miúda”, a tal que as rodas dos veículos “atiram”, a centenas de metros de distância, partindo ou marcando os vidros da frente de qualquer veículo!.

ss-klondike-_MG_8882

…e como já dissemos, também passado algum tempo, ainda de dia, embora fossem já 9 horas da noite, chegámos de novo ao pequeno óasis no deserto, que é a cidade de Whitehorse, que marca o ”Historic Milepost 918”, da qual já falamos anteriormente, onde depois de visitar o Centro de Turismo, procurámos comida e dormida, onde se podesse tomar banho e, dormir com algum conforto!.

campbell_hwy-junction-5639

…já agora, queria lembrar que o trajecto que hoje fizemos, entre a cidade Tok, no estado do Alaska e, a cidade de Whitehorse, na província do Yukon, já no Canadá, ficou por fazer, na viagem de ida para o estado no Alasca, pois  nessa altura, nesta cidade de Withehorse, desviámo-nos para norte, fizemos o célebre ”Klondike Loop”, que nos levou, à cidade de Dawson City, que depois de atravessar, numa jangada o rio Yukon, entrámos na estrada, que chamam “Top of the World Highway”, onde fizemos a fronteira com o estado do Alaska, em direcção à cidade de Tok.

DSCF8381

Neste dia, percorremos 452 milhas, com o preço da gasolina, variando entre $1.66 e $1.82 o litro.

Tony Borie, Agosto de 2014.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s