…the race of years in life!.

…a corrida dos anos na vida!. (The race of years in life)!.

…olá Layla!. Verdadeiramente, a corrida de contagem dos teus anos, começa daqui a três dias!. (Hello Layla!. Truly, the counting race of your years begins in three days)!.

…tal como hoje, era um mês de Janeiro e eram 12.34 da tarde, também era um dia de “frio do Ártico”, que tu aqueceste, com o acontecimento da vinda a este mundo, para junto de tua família!. (As it was today, it was a month in January and it was 12.34 in the afternoon, it was also a day of “Arctic cold”, which you warmed up, with the event of coming to this world, to your family)!.

…mesmo que tenha acontecido 362 dias atrás, lembramo-nos, tal como se tivesse acontecido ontem, pois os momentos antes do teu nascimento, foi um conjunto de emoções, que se prolongaram, mesmo depois de tocar pela primeira vez na tua pele macia de bébé acabado de nascer!. (Even if it happened 362 days ago, we remember, just as if it happened yesterday, because the moments before your birth was a set of emotions, which lasted even after touching your skin for the first time soft of baby just born)!.

…a história do momento do teu nascimento, tal como estes festejos do teu primeiro dia de anos, vão permanecer connosco para sempre, como uns dos eventos mais importantes da nossa vida!. (The story of the moment of your birth, just like these festivities of your first day of years, will remain with us forever, as one of the most important events of our lives)!.

…tinhas acabado de vir a este mundo, a tua mãe e o teu pai, estavam a teu lado, a enfermeira, colocáva-te a primeira fralda, entregou-te nas mãos da tua mãe, tu choras-te, fazendo-nos rir a todos nós, pois “já choravas”, nós olhámos a tua face, de frente, tu abriste os olhos, sabemos que nos viste, pois por segundos, os teus olhos fixaram-nos e, (só os avós sabem estes pormenores), cremos mesmo que sabias que nós éramos os teus avós!. (You had just come to this world, your mother and father, were at your side, the nurse, put the first diaper, gave you into the hands of your mother, you cry, we laugh at all of us, because “you were already crying”, we looked at your face, from the front, you opened your eyes, we know that you saw us, because for seconds, your eyes fixed us and, (only grandparents know these details), we even believed that you knew we were your grandparents)!.

…naquela ocasião dissémos que esse primeiro choro, iria transformar-se em milhões de risos e sorrisos em momentos de alegria e felicidade na tua longa vida e, é o que te vai acontecendo, como por exemplo hoje, nesta festa que os teus pais te fizeram, comemorando o teu primeiro ano de vida, onde juntaram ao teu redor, a família, os amigos da família, assim como muitos ”anjos, quase da tua idade”!. (On that occasion we said that this first cry, would turn into millions of laughs and smiles in moments of joy and happiness in your long life and, is what is happening to you, as for example today, in this party that your parents made you, celebrating your first year of life, where they gathered around you, family, family friends, as well as many “angels, almost your age”)!.

…Layla, “doce anjo”, aproveita este “carrossel da vida”, vão vir muitos mais dias de comemoração de anos, com presentes de ocasião, como roupas ou brinquedos, sempre acompanhados de abraços, sorrisos e bênções para te agradar e, oxalá se sintas sempre feliz e sorrias todos os dias!. (Layla, “sweet angel”, take advantage of this “carousel of life”, will come many more days of celebration of years, with gifts of occasion, like clothes or toys, always accompanied by hugs, smiles and blessings to please you and, may you always feel happy and smile every day)!.

…foi bom, foi “fixe”, obrigado a ti e aos teus pais e irmãos por este momento de alegria! (It was good, it was “cool”, thank you and your parents and brothers for this moment of joy)!.

Tony Borie, January 2019.