…fomos experimentá-la!. (We tried it out)!.

…fomos experimentá-la!. (We tried it out)!.

…nós, “fotografos amadores à quinta-feira e contadores de histórias ao domingo”!. (We, “amateur photographers on Thursday and storytellers on Sunday”)!.

…na esperança de experimentar a nova máquina fotográfica, a tal que cabe no bolso de trás que, tal como uma criança, a quem dão um brinquedo novo, assim aconteceu connosco!. (Hoping to try the new camera, so it fits in the back pocket that, like a child, to whom they give a new toy, so happened to us)!.

…moramos aqui há quase duas dezenas de anos, já nos dirigimos “mil vezes” para esta selva escondida, umas vezes de bicicleta, sózinhos ou acompanhados pela nossa dedicada esposa Isaura ou até pelo amigo Fernando Pedro, (agora dividindo a sua residência por Nova York e Portugal), outras de veículo automóvel, como foi o caso de hoje e, não fazíamos uma verdadeira ideia do que existe por trás de toda esta vegetação, que afinal é um tesouro escondido!. (We have lived here for almost two dozen years, we have already driven a “thousand times” to this hidden jungle, sometimes by bike, alone or accompanied by our devoted wife Isaura or even friend Fernando Pedro, (now sharing his residence by New York and Portugal), others by car, as was the case today, and we had no real idea of what lies behind all this vegetation, which is a hidden gem after all)!.

…estamos a falar do “Princess Place Preserve”, que quer dizer mais ou menos, “Lugar Preservado da Princesa” que, tem uma história muito rica, num cenário exótico de beleza natural, onde outrora também foi cenário de índios americanos, assentamentos coloniais, guerras, servos, magnatas, casamentos, divórcios, amor, ódios, príncipes e princesas, tudo passado neste maravilhoso local, situado na parte norte do concelho de Flagler, mais propriamente na confluência do hoje Riacho Pellicer e do Rio Matanzas!. (We are talking about the “Princess Place Preserve”, which means more or less the “Preserved Place of the Princess” which has a very rich history, in an exotic setting of natural beauty, where it was once a American Indians, colonial settlement, wars, servants, tycoons, weddings, divorces, love, hatred, princes and princesses, all set in this wonderful location, situated in the northern part of Flagler County, more precisely at the confluence of today’s Pellicer Creek and the Matanzas River)!.

…dizem-nos que tudo começou por volta do final do século dezassete, quando uma parcela de mais de mil acres era concedida como uma concessão de terras espanholas a Francisco Pellicer, homem nascido em Minorca, que é uma das ilhas Baleares de Espanha, no mar Mediterrâneo, que por aqui chegou, contratado como servo mas, tal como outros chegados da Europa, este, exercendo a profissão de agricultor e carpinteiro, prosperou no Novo Mundo!. (We are told that it all began around the end of the seventeenth century, when a parcel of over a thousand acres was granted as a Spanish land concession to Francisco Pellicer, a man born in Minorca, which is one of the Balearic Islands of Spain, in the Mediterranean Sea, which arrived here, hired as a servant but, like other arrivals from Europe, he, working as a farmer and carpenter, prospered in the New World)!.

…Francisco Pellicer, por um período de quase quarenta anos, por aqui viveu com sua família, cultivando milho, cana e algodão, cujas culturas, uns anos mais tarde foram destruídas e queimadas durante as Guerras Indianas, que foram uma trama ou mesmo uma conspiração, depende do que lhe queiram chamar, que também ficaram conhecidas como “Cherokee Grove”!. (Francisco Pellicer, for a period of almost forty years, lived here with his family, growing corn, sugarcane and cotton, whose crops, a few years later were destroyed and burned during the Indian Wars, which were a plot or even a conspiracy, depends on what you want to call it, which are also known as “Cherokee Grove”)!.

…continuando, um tal Henry Cutting, com apenas 24 anos, que era um rico descendente dos holandeses que compraram Manhattan, lá no norte, em Nova York, que por aqui se estabeleceu com um dos primeiros laranjais na Flórida e, já por volta do final do século dezoito, comprou “Cherokee Grove” e várias parcelas adjacentes para aumentar a sua propriedade para os aproximadamente 1.500 acres, que hoje são a dimensão deste maravilhoso cenário de beleza natural!. (Going on, a 24-year-old Henry Cutting, who was a wealthy descendant of the Dutch who bought Manhattan, up north in New York, who settled here with one of the first orange groves in Florida and, by now, around the end of the eighteenth century, he bought “Cherokee Grove” and several adjoining plots to increase his property to the approximately 1,500 acres, which today are the size of this wonderful scenery of natural beauty)!.

… ele, Henry Cutting, dizia que neste maravilhoso cenário iria construir um pavilhão de caça!. (He, Henry Cutting, said that in this wonderful setting he would build a hunting lodge)!.

…para tal, contratou artesãos, já levados anteriormente para a hoje cidade histórica de Santo Agostinho, por um seu amigo e grande magnata dos caminhos de ferro, chamado Henry Flagler, para que aqui construissem uma hospedaria no estilo “Adirondacks”, (que para quem não tem conhecimento são umas montanhas na região norte de New York, que frequentemente são usadas para caçar e repousar), usando materiais indígenas pelos artesãos, como palmito de repolho e troncos de cedro para apoiar a varanda envolvente e uma mistura de conchas de pedra coquina e cimento, cujas pedras coquinas rosa, foram extraída da praia vizinha, produzindo um excelente feito de adaptação!. (To this end, he hired artisans, previously taken to the historic city of St. Augustine, by his friend and great railway tycoon, Henry Flagler, to build an Adirondacks-style lodge here, (unknown to those are mountains in northern New York, which are often used for hunting and resting), using indigenous materials by artisans such as cabbage hearts and cedar logs to support the wrap-around porch and a mix of shells of coquina stone and cement, whose pink coquina stones, were extracted from the neighboring beach, producing an excellent adaptation feat)!.

…querendo dar um ar tropical, para receber os seus hóspedes, plantou uma linha de palmeiras emparelhadas, que hoje combina perfeitamente com os carvalhos gigantescos e centenários, cobertos de musgo e envoltos em videiras selvagens, construindo também a primeira piscina subterrânea da Flórida, onde os ricos e a realeza brincavam com água morna, alimentada pelo clima semi-tropical!. (Wishing to give it a tropical feel to welcome its guests, it has planted a line of paired palm trees, which today blends perfectly with the giant, mossy oak trees covered with wild vines, also building Florida’s first underground pool, where the rich and royalty played with warm water fed by the semi-tropical climate)!.

…agora sim, começa a história que nos explica como esta área, outrora habitada pelos índios americanos Cherokee, entram os príncipes e as princesas!. (Now the story begins that explains how this area, once inhabited by the American Cherokee Indians, enters princes and princesses)!.

…Henry Cutting, trouxe a sua noiva de nome Angela para cá, casando-se por volta do ano de 1888, ano em que o seu pavilhão de caça, que era uma autêntica pousada terminou!. Ela, a Angela, adorou conviver e hospedar os seus amigos de Nova York mas, quatro anos depois, após a morte repentina de Henry Cutting, a Angela realizou um seu novo casamento com um magnata de Nova York!. (Henry Cutting, brought his bride named Angela here, getting married around the year 1888, the year his hunting lodge, which was a real lodge ended!. She, Angela, loved to hang out and host her friends from New York, but four years later, after Henry Cutting’s sudden death, Angela remarried with a New York tycoon)!.

…cujo casamento durou pouco mais de um ano que, após um divórcio rancoroso, ela a Angela, passados três anos casou de novo, agora com um príncipe russo exilado, de nome Boris Sherbatow, ganhando o título de princesa!. (Whose marriage lasted a little over a year that after a grudging divorce, she and Angela after three years remarried, now an exiled Russian prince named Boris Sherbatow, winning the title of princess)!.

…o agora “casal real”, viveu no ainda “Cherokee Grove”, que foi sua casa por duas décadas e meia e, quando ela, a Angela, se tornou mais princesa real do que o príncipe Boris, logo este maravilhoso cenário de palmeiras, carvalhos gigantescos e centenários, cobertos de musgo e envoltos em videiras selvagens, ficou conhecido como “Lugar da Princesa”, enquanto isso, juntos, ele e a Angela, entretinham outros membros da realeza e a sociedade internacional, aqui no agora “Lugar da Princesa”!. (The now “royal couple” lived in the still “Cherokee Grove” which was her home for two and a half decades and when she, Angela, became more royal princess than Prince Boris, soon this wonderful setting of palm trees, gigantic, ancient oaks, covered with moss and shrouded in wild vines, became known as “Princess’s Place”, while together he and Angela entertained other royals and international society, here in the now, “Princess’s Place”)!.

…resumindo, assim que a Angela assumiu o título de princesa, foi quando o outrora chamado “Cherokee Grove” passou a ser conhecido como “Lugar da Princesa” e, o mais fascinante é que, o alojamento original, construído por Henry Cutting, nos dias de hoje, ainda é a estrutura intacta mais antiga do Condado de Flagler!. (In short, as soon as Angela assumed the title of princess, it was when the once-called “Cherokee Grove” came to be known as “Princess’s Place” and, most fascinating is that, the original housing built by Henry Cutting is still the oldest intact structure in Flagler County today)!.

…anos depois, ele, o príncipe Boris, sentindo-se ameaçado por suas reivindicações ao trono Russo, transformou seu nome em Sherbatov, morrendo no ano de 1949 por causas naturais, mas a princesa não vendeu o seu amado “Lugar da Princesa” até ao ano de 1954, acabando por morrer também, na hoje cidade histórica de Santo Agostinho, dois anos depois, aos 87 anos!. (Years later, he, Prince Boris, feeling threatened by his claims to the Russian throne, transformed his name into Sherbatov, dying in 1949 from natural causes, but the princess did not sell her beloved “Princess’s Place”, until the year 1954, eventually dying too, in today’s historic city of St. Augustine, two years later, at the age of 87)!.

…e, poderíamos explicar muito mais, mas não queremos estragar as surpresas que todos irão ter, se por aqui quiserem caminhar, principalmente se gostam de natureza pura e de fotografar!. (And we could explain much more, but we don’t want to ruin the surprises everyone will have if they want to walk around here, especially if they like pure nature and photography)!.

…hoje, esta maravilosa área pertence ao estado, e nós, caminhando pelas suas trilhas, é muito provável que encontremos os verdadeiros moradores do “Lugar da Princesa”, que são os rebanhos de veados de cauda branca, raposas vermelhas, linces, gambás, guaxinins, corujas, tatus, panteras da Flórida e, ocasionalmente algum urso preto, entre outros!. (Today, this beautiful area belongs to the state, and we, walking its trails, are very likely to find the true residents of the “Princess Place”, which are the herds of white-tailed deer, red foxes, bobcats, skunks, raccoons, owls, armadillos, Florida panthers, and occasionally some black bear, among others)!.

…as trilhas, por onde a princesa montou os seus cavalos, agora são as favoritas para cavaleiros, ambulantes, campistas primitivos e ciclistas de todo o terreno, com o qual nós ainda nos identificamos!. (The trails, where the princess rode her horses, are now a favorite for knights, street hawkers, early campers and all-terrain cyclists with whom we still identify)!.

…por algum tempo percorremos os quatro cantos desta “reserva” explorando-a um pouco, onde não vimos praias de tartarugas com água azul mas, vimos o sossego de aves exóticas, tentando passar despercebidas dos olhares dos humanos, concentradas na água dos pântanos e lagoas, onde alguns peixes saltam!. (For a while we traveled the four corners of this “reserve” exploring it a little, where we didn’t see turtle beaches with blue water, but we saw the quiet of exotic birds, trying to go unnoticed from the eyes of humans, concentrated in the water of the swamps and ponds where some fish jump)!.

…esta caminhada é extremamente experiente, carismática, pelo menos para nós, contadores de histórias, onde podemos admirar uma área de pura selva, alguns pântanos, savanas, canais de água salgada, aves exóticas, árvores cobertas de musgo e uma fauna natural, sendo um óptimo lugar para ver e aprender!. (his walk is extremely experienced, charismatic, at least for us storytellers, where we can admire an area of pure jungle, some marshes, savannas, saltwater canals, exotic birds, mossy trees and natural wildlife, being a great place to see and learn)!.

…o complexo, além de ser o lar da primeira piscina inground da Flórida, o que é fascinante, também existe um estábulo com uma carruagem antiga, um pavilhão de caça, as marcas do que foram quadras de ténis, balneários, quartos de empregadas, casa de caseiro, e claro, trilhas para caminhadas e diversos lugares para acampar com fogareiros a lenha e mesas de piquenique!. (The complex, in addition to being home to Florida’s first inground pool, which is fascinating, there is also a stable with an old carriage, a hunting lodge, the hallmarks of what were once tennis courts, changing rooms, maids, caretaker’s house, and of course, hiking trails and various places to camp with wood burning stoves and picnic tables)!.

…podemos caminhar ao longo das margens do Riacho Pellicier ou através de alguns pântanos de água salgada, com maravilhosas vistas da baía e dos estuários ou até de lagoas alimentadas por nascentes e viveiros de pássaros!. (We can walk along the banks of the Pellicier Creek or through some saltwater marsh with wonderful views of the bay and estuaries or even spring-fed ponds and bird ponds)!.

…é uma parte importante da nossa experiência em viagens e caminhadas, que pode ser uma história engraçada ou especial, sobre uma qualquer experiência vivida numa montanha, numa selva, num rio, praia ou deserto, ou simplesmente uma aventura interessante na estrada!. (Is an important part of our travel and hiking experience, which can be a funny or special story about any mountain, jungle, river, beach or desert experience, or simply an interesting road adventure)!.

…é um pouco da história da Flórida, onde não existem sòmente as praias desertas do oceano Atlântico ou do Golfo do México, descobrindo o seu nordeste, para experimentar um grande pedaço da antiga Flórida, neste caso, adequado para uma princesa!. (Is a bit of Florida history, where there are not only the deserted beaches of the Atlantic Ocean or the Gulf of Mexico, discovering its northeast, to experience a great piece of old Florida, in this case, suitable for a princess)!.

…é uma terra intocada, onde nunca sabemos o que vamos ver e, na primavera, existem aqui dois novos moradores, que são um par de águias, que vêm construir o seu ninho!. (Is a pristine land where we never know what we will see, and in spring there are two new residents here, who are a pair of eagles, who come to build their nest)!.

…é uma caminhada muito fácil pela “selva” em caminhos de terra com algumas pontes em madeira e passadeiras em cimento!. (It’s a very easy walk through the jungle on dirt paths with some wooden bridges and cement walkways)!.

…é um local com muita vida selvagem e muitos tipos diferentes de aves, árvores e plantas, onde valeu bem a pena o tempo aqui dispendido e, claro, a nossa nova máquina de tirar fotografias, a tal que cabe no bolso de trás, deu-nos óptimas fotos!. (Is a place with a lot of wildlife and many different types of birds, trees and plants, where it was well worth the time here and, of course, our new photo taking machine, which fits in your back pocket. , gave us great pictures)!.

Tony Borie, November 2019.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s