…para o norte pelo nordeste!. (…to north by north east)!.

…os tornados ainda andam por aí, pela manhã o cheiro a terra molhada de infância continua, o céu movimenta-se e nós cá em baixo levamos por tabela!. Já estamos em Setembro, o verão de todos os excessos está a chegar ao fim e, às vezes alguns verões para nós são malditos, que mais não seja, pela simples razão que vêm logo a seguir à primavera, portanto vêm substituir a nossa época preferida!. 

(…the tornadoes are still around, in the morning the smell of wet earth from childhood continues, the sky moves and we take it down here!. It’s already September, the summer of all excesses is coming to an end and sometimes some summers for us are damned, if nothing else, for the simple reason that they come right after spring, so they come to replace our favorite season)!.

…e nós, andando por aqui à volta do lugar onde vivemos, às vezes sofrendo a angústia que este tempo de pandemia origina, com frequentes contágios e mortes, onde a sustentabilidade da mente humana, em nome da economia e da exploração mental das massas, querem fazer esquecer!. 

(…and us, walking around here around the place where we live, sometimes suffering the anguish that this time of pandemic causes, with frequent contagions and deaths, where the sustainability of the human mind, in the name of economy and mental exploitation of the masses, want to make you forget)!.

…no entanto, sabemos que é a VIDA e hoje…, qualquer pessoa é feliz em qualquer lugar, infelizmente…, desde que não vá a esse lugar e, contrariando um pouco este ditado, todo este razoado de palavras serve para dizer que, depois de mais de um ano em que não “saímos para norte pelo nordeste”, o fizémos, porque já parecia que tínhamos raízes em vez de pernas!. 

(…however, we know it’s LIFE and today…, anyone is happy anywhere, unfortunately…, as long as they don’t go to that place and, contrary to this saying a little, all this reasoning of words serves to say that after more than a year in which we didn’t “go north through the northeast”, we did it, because it already seemed that we had roots instead of legs)!.

…e claro, sempre tivémos o desejo de ver lugares onde nunca estivémos e estar com pessoas que nunca conhecemos, porque o mundo é um livro e  aqueles que não tiveram a oportunidade de viajar, infelizmente apenas  leram a primeira página, e claro, nós nesta idade já um pouco avançada, não viajamos para escapar da vida, mas para que o que resta dessa vida, não nos escape!.

(…and of course, we’ve always had the desire to see places we’ve never been and be with people we’ve never met, because the world is a book and those who didn’t have the opportunity to travel unfortunately only read the first page, and of course we in this a little advanced in age, we do not travel to escape life, but so that what remains of this life does not escape us)!.

…seguindo o princípio de que uma jornada de algumas milhas sempre começa com um único passo, uns viajantes como nós, nunca temos planos fixos e não temos nunca a intenção de chegar, no entanto, quando o local for agradável e as pessoas simpáticas, chegámos!. Tal como nos aconteceu nesta rota para norte, parando por alguns dias na cidade de Savannah, no estado da Geórgia!.

(…following the principle that a journey of a few miles always starts with a single step, travelers like us never have fixed plans and never intend to arrive, however, when the location is pleasant and the people friendly, we have arrived !. As happened to us on this route north, stopping for a few days in the city of Savannah, in the state of Georgia)!.

…Savannah, é um lugar histórico e a cidade mais antiga do estado da Geórgia, fundada no ano de 1733 ao lado do rio Savannah, tornando-se na sua capital colonial, quando a Geórgia ainda era uma província britânica, sendo anos depois uma cidade portuária estratégica na Revolução Americana e durante a Guerra Civil Americana, sendo hoje um centro industrial e um importante porto marítimo no Atlântico!. 

(…Savannah, is a historic place and the oldest city in the state of Georgia, founded in the year 1733 beside the Savannah River, becoming its colonial capital, when Georgia was still a British province, being a city years later. strategic port in the American Revolution and during the American Civil War, being today an industrial center and an important seaport on the Atlantic)!.

…andamos por lá!. Hoje, Savannah atrai milhões de visitantes, na qual nos incluímos, caminhando nas suas ruas de paralelepípedos ou percorrendo o seu distrito histórico vitoriano com mais de duas dezenas de praças semelhantes a parques, onde se explica um pouco do que foi a sua história, onde de algum modo sobressai um tal general James Edward Oglethorpe, um filantropo e representante do rei George II nas colônias americanas, que foi enviado para criar uma barreira ao sul do rio Savannah, com a intenção de proteger as Carolinas, da então Flórida espanhola e da Louisiana francesa!.

(…we walked there!. Today, Savannah attracts millions of visitors, including ourselves, walking its cobblestone streets or walking through its Victorian historic district with more than two dozen park-like squares, where it explains a little of its history, where Somehow one General James Edward Oglethorpe stands out, a philanthropist and representative of King George II in the American colonies, who was sent to create a barrier south of the Savannah River, with the intention of protecting the Carolinas, then Spanish Florida and the French Louisiana)!.

…nós, um pouco viajantes do mundo, acreditamos que a cidade de Savannah, ainda é um refúgio encantador do sul, onde admiramos uma arquitetura de uma época, histórias de fantasmas que estão sob um véu de musgo espanhol que se desprende dos carvalhos seculares, onde se pode apreciar uma comida crioula, que vem do rio e do litoral, com frango frito estilo do sul, camarão e grãos de Savannah, verduras de nabo, caçarola de abóbora, macarrão com queijo, batata doce, frutas ou pãezinhos quentes!.

(…we, a bit of world travelers, believe that the city of Savannah is still an enchanting southern retreat, where we admire architecture from a time, ghost stories that are under a veil of Spanish moss that rises from centuries-old oak trees, where you can enjoy Creole food, which comes from the river and the coast, with southern style fried chicken, shrimp and savannah beans, turnip greens, pumpkin casserole, macaroni and cheese, sweet potatoes, fruits or hot rolls)!.

…numa primeira viajem pelo distrito histórico num daqueles “Troley’s”, com um guia e motorista cheio de humor e história, num percurso que inclui algumas paragens, explicou-nos a história da cidade com alguns actores fantasiados que entravam em cena e saiam, como por exemplo o Forrest Gump ou a Florence Martus, também conhecida como “a garota que acena”, que acenava a todos os navios que entravam e saíam no porto de Savannah, entre os anos de 1887 e 1931, passando ao longo da rota por locais históricos como a City Market, Reynolds Square, River Street ou a Franklin Square!. Ao outro dia, fizemos caminhando o nosso próprio roteiro, explorando as áreas que entendemos mais interessantes, jantando na River Street, claro, apreciando comida crioula da cidade de Savannah!.

(…on a first trip through the historic district in one of those “Troley’s”, with a guide and driver full of humor and history, on a route that includes some stops, he explained the city’s history with some costumed actors who entered the scene and left, as for example the Forrest Gump or Florence Martus, also known as “the girl who waves”, which waved to all the ships that entered and left the port of Savannah, between the years 1887 and 1931, passing along the route through locales Historic sites such as City Market, Reynolds Square, River Street or Franklin Square!. The other day, we walked our own itinerary, exploring the areas that we found most interesting, having dinner on River Street, of course, enjoying Creole food from the city of Savannah)!.

…fizémos um pequeno cruzeiro pelo rio num barco fluvial tradicional, onde sobressaiam as cores vermelho, branco e azul, representando aqueles palácios flutuantes que transportavam os visitantes numa época em que a elegância e o relaxamento eram esperados naquelas maravilhosas viagens pelo rio, fazendo-nos descobrir a alma encantadora de Savannah, com vistas panorâmicas, pátios ao ar livre com vários bancos corridos que se alinhavam no convés superior para vistas incríveis da cidade, do porto marítimo e de alguns barcos que entravam ou saíam…, tudo debaixo de muito sol.

(…we took a small river cruise on a traditional river boat, where the colors red, white and blue stand out, representing those floating palaces that transported visitors to a time when elegance and relaxation were expected on those wonderful river trips, making us discover the enchanting soul of Savannah with panoramic views, outdoor patios with multiple bench benches that lined the upper deck for incredible views of the city, seaport and a few boats coming in and out…, all in the sun)!.

…passámos muito do nosso tempo na River Street!. Porquê?. Sobretudo pelas suas atracções, como por exemplo o Monumento Afro-Americano, o Monumento da Segunda Guerra Mundial ou seguindo a rota da Waving Girl Statue e o Olympic Cauldron, que ficam ambos localizados na extremidade leste da River Street, porque passeando pelo Riverwalk, não é apenas agradável, é verdadeiramente sereno e, caminhando ao longo do rio Savannah, podemos parar para comer um lanche ou beber uma  cerveja original da Geórgia!.

(…we spent a lot of our time on River Street!. Why?. Mainly for its attractions, such as the African American Monument, the World War II Monument or following the route of the Waving Girl Statue and the Olympic Cauldron, which are both located at the east end of River Street, because strolling along the Riverwalk doesn’t it’s just nice, it’s truly serene and, walking along the Savannah River, we can stop for a snack or drink an original Georgia beer)!.

…toda a histórica da River Street está situada ao longo do rio Savannah, onde a então colónia da Geórgia, por volta dos anos 1700, era o principal local para mercadorias que chegavam à cidade e, em meados dos anos 1800, Savannah era o principal exportador de algodão para o mundo!. As coisas mais extraordinárias aconteceram quando a terra encontra a água e “Savannah’s Waterfront” não foi exceção e, esta famosa rua de paralelepípedos tinha e continua a ter algo para todos!.

(…all of historic River Street is situated along the Savannah River, where the then colony of Georgia in the 1700s was the main location for goods arriving in the city and, by the mid-1800s, Savannah was the main cotton exporter to the world!. The most extraordinary things happened when land meets water and “Savannah’s Waterfront” was no exception and this famous cobblestone street had and still has something for everyone)!.

…caminhando por aqui, a qualquer momento, podemos ser surpreendidos com música ao vivo, assistir a um belo pôr do sol sobre o rio Savannah ou pelos cheiros adocicados de doces recém-feitos!. A atmosfera em River Street é incomparável em qualquer outro lugar e a variedade de coisas para fazer são infinitas, como por exemplo visitar o River Street Market Place, que oferece uma experiência de compras única num mercado ao ar livre!.

(…walking around here, at any time, we can be surprised by live music, watch a beautiful sunset over the Savannah River or the sweet smells of freshly baked sweets!. The atmosphere on River Street is unmatched anywhere else and the variety of things to do is endless, such as visiting River Street Market Place, which offers a unique shopping experience at an open-air market)!.

…no último dia, antes do regresso à Florida, visitámos a Ilha de Tybee, onde está localizado o Forte Pulaski, que durante a guerra civil Americana o Exército da União testou com sucesso canhões de combate, tornando assim absoletas as antigas fortificações de tijolos!. Também nesta ilha, visitámos a praia do sul, o Forte Screven, que possui baterias de armas em concreto do século XIX e a estação e Museu de Tybee Island Light, que é um farol do século XVIII, ainda em funcionamento, reconstruído muitas vezes, onde subimos os seus 178 degraus para chegar ao seu topo!.

(…on the last day, before returning to Florida, we visited Tybee Island, where Fort Pulaski is located, which during the American Civil War the Union Army successfully tested combat cannons, thus making the old brick fortifications absolete! . Also on this island, we visited the southern beach, Fort Screven, which has 19th century concrete gun batteries and the Tybee Island Light Station and Museum, which is an 18th century lighthouse, still in operation, rebuilt many times, where we climb its 178 steps to reach its top)!.

…nós, gostando e respeitando o contacto com a natureza ficámos localizados num parque de campismo a pouco mais de cinco minutos do centro da cidade, usando a nossa “White Fox (caravana), onde havia cavalos, ovelhas e cabras, até um pequeno rio que terminava num lago, onde se podia pescar, mas não era aconselhável, pois com alguma sorte ou azar, podíamos pescar um alligator (crocodilo), pois o nome de Savannah, dizem-nos que deriva de extensos pântanos ao redor do rio por quilómetros para o interior e é derivado do termo inglês “savana”, uma espécie de pastagem tropical, que foi emprestada pelos ingleses do espanhol “sabana” e usada no sul das então Colónias!.

(…we, enjoying and respecting the contact with nature, were located in a campsite just over five minutes from the city centre, using our “White Fox (caravan), where there were horses, sheep and goats, up to a small river which ended in a lake, where you could fish, but it was not advisable, as with any luck or misfortune, you could catch an alligator (crocodile), as the name Savannah, we are told, derives from the extensive swamps around the river for miles to the interior and is derived from the English term “savanna”, a kind of tropical pasture, which was borrowed by the English from the Spanish “sabana” and used in the south of the then Colonies)!.

Tony Borie, Século XXI. (Tony Borie, 21st Century).

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s