…agora e aqui! (…now and here)!.

…a mãe natureza às vezes fica zangada, fazendo explodir na véspera do Natal um frio tão gelado aqui no norte e centro da Flórida, só comparado com aquele que existe lá no Alaska, e claro, recebemos uma rodada de frio que nos dizem que foi a mais fria dos últimos anos!. Foi uma frente fria…, mesmo muito fria, trazendo consigo aquele potencial frio a que resistimos por algumas décadas quando viviamos no norte!. Foi o resultado de uma tremenda tempestade de inverno no nordeste, que arrastou uma frente muito fria do Ártico até aqui ao “Sunshine State”!. 

…mother nature sometimes gets angry, causing a blast on Christmas Eve so icy cold here in north and central Florida, only compared to that there is in Alaska, and of course, we get a round of cold that we are told it was the coldest in recent years!. It was a cold front…, even very cold, bringing with it that cold potential that we resisted for a few decades when we lived in the north!. It was the result of a tremendous winter storm in the northeast, which dragged a very cold front from the Arctic here to the “Sunshine State”!.

…continuando e resumindo um pouco do que foi para nós o ano de 2022, concluímos que a desumanização da sociedade continua uma realidade, parecendo que somos todos ilhas à deriva e…, de todas aquelas histórias que armazenámos nesta já longa vida de oito décadas, poderíamos contar outras histórias de há cinquenta, trinta ou de um passado recente ou até mesmo de antes dos vinte!. Com toda a certeza que teríamos inumeráveis narrativas para sair do buraco, que é o armazém da nossa existência!. 

…continuing and summarizing a bit of what the year 2022 was for us, we conclude that the dehumanization of society is still a reality, it seems that we are all islands adrift and…, of all those stories that we have stored in this already long life of eight decades, we could tell other stories from fifty, thirty or the recent past or even before twenty!. We would certainly have countless narratives to get out of the hole, which is the storehouse of our existence!.

…no entanto, vamos falar do presente e, como sempre vivemos na ânsia de permanecer livres, longe de possíveis egoísmos, palavras rudes ou frias, ou até daqueles silêncios de uma solidão despida de gente, onde infelizmente quase já não existem crianças e…, embora não tendo nexo, mas é do sem nexo que vivemos ultimamente e são elas, as crianças, que pagam o preço mais elevado!.

…however, let’s talk about the present and, as we always live in the eagerness to remain free, far from possible selfishness, rude or cold words, or even those silences of a solitude devoid of people, where unfortunately there are almost no children anymore and…, although there are no having a connection, but it is the nonsense that we have been living lately and it is they, the children, who pay the highest price!.

…sentir-nos-iamos menos cobardes nos dias de hoje, ao presenciar uma realidade que até parece que é desconhecida, mas que infelizmente continua a andar por aí e que a todos envolve por uma zangada revolta de quem nos sustenta…, que é a mãe natureza, neste planeta magnífico chamada Terra, assim, somos obrigados a prosseguir mencionando sempre aquilo que julgamos que não é tão justo aos nossos olhos!. 

…we would feel less cowardly these days, when witnessing a reality that seems to be unknown, but that unfortunately continues to walk around and that involves everyone in an angry revolt of those who support us…, which is the Mother Nature, on this magnificent planet called Earth, so we are forced to continue by always mentioning what we think is not so fair in our eyes!.

…e, nesta já longa idade, sabemos que não se pode viver com medo, porque nos faz imaginar o que ainda não aconteceu e vamos sofrer em dobro, assim, também é preciso relaxar um pouco, tentando aproveitar os pequenos momentos da vida e agradecer por tudo o que temos, mas se olharmos pelos vidros da janela, os dias parecem-nos mais cinzentos e o alerta não é nosso, é de muitas instituições de bem fazer!. E, não somos nós que o dizemos, é o Papa Francisco, que alertou  durante a homilia da Missa do Galo celebrada na Basílica de São Pedro, para a existência de uma humanidade insaciável de dinheiro, poder e prazer que devora os mais fracos e provoca as guerras!.

…and, in this already long age, we know that we cannot live in fear, because it makes us imagine what has not yet happened and we will suffer twice as much, so we also need to relax a little, trying to enjoy the small moments of life and be grateful for everything we have, but if we look through the window panes, the days seem grayer to us and the alert is not ours, it is that of many institutions of good doing!. And, it is not us who say it, it is Pope Francis, who warned during the homily of the Midnight Mass celebrated in Saint Peter’s Basilica,for the existence of an insatiable humanity of money, power and pleasure that devours the weakest and provokes wars!.

…o ano velho está quase a passar, no entanto, infelizmente vamos continuar a ver algumas personalidades com responsabilidade para nos governar a perder a inteligência e a consciência moral e…, aqueles bons costumes do antigamente, vão continuar dissolvidos e em debandada e os bons princípios corrompidos, porque as pessoas na sua normal prática de vida, agora têm por única direcção…, a conveniência!.

…the old year has already passed, however, unfortunately we will continue to see some personalities with responsibility to govern us to lose intelligence and moral conscience and…, those good customs of the past, will continue dissolved and in rout and the good ones corrupted principles, because people in their normal practice of life, now have convenience as their only direction!.

…em suma, já quase ninguém se respeita!. Não há nenhuma solidariedade entre os cidadãos e ninguém crê na honestidade dos homens!. Alguns agiotas tiram vantagem do sistema e exploram, subindo o preço dos bens excenciais quando vamos ao super-mercado, alterando o custo de vida!. Assim, principalmente a classe onde nos inserimos, que são os idosos, ignora-se e tenta-se abater progressivamente!.

…in short, almost nobody respects themselves anymore!. There is no solidarity between citizens and no one believes in the honesty of men!. Some moneylenders take advantage of the system and exploit it, raising the price of essential goods when we go to the supermarket, changing the cost of living!. Thus, mainly the class we belong to, which are the elderly, is ignored and tries to be progressively slaughtered!.

…o desprezo pelas pessoas, principalmente os idosos, aumenta em cada dia, parecendo que vivemos todos ao acaso numa perfeita e absoluta indiferença de cima a baixo!. Toda a vida espiritual e até intelectual já não existe, porque o medo e até o tédio, invadiram todas as almas e a pouca mocidade que ainda existe, arrasta-se envelhecida pelas mesas e esplanadas dos cafés, sem falarem uns com os outros, entretidos no telemóvel com internet!.

…the contempt for people, especially the elderly, increases every day, it seems that we all live at random in a perfect and absolute indifference from top to bottom!. All spiritual and even intellectual life no longer exists, because fear and even boredom have invaded all souls and the little youth that still exists, dragging themselves aged around the tables and terraces of cafes, without talking to each other, entertained on mobile phone with internet!.

…e para finalizar e voltando aos idosos que presentemente vivem da sua reforma, porque trabalharam quando novos, às vezes consideram o estado como um quase ladrão, porque na sua acção fiscal não tem qualquer contemplação na colecta dos impostos, autorizando, sobretudo os bancos e as companhias de seguro a aumentar os seus prémios, sempre que o entendam, tornando ainda mais miserável a vida, sobretudo de nós, os idosos!.

…and finally, and returning to the elderly who are currently living off their retirement, because they worked when they were young, sometimes they consider the state to be almost thief, because in its fiscal action it does not have any contemplation in the collection of taxes, authorizing, above all, banks and Insurance companies increasing their premiums whenever they see fit, making life even more miserable, especially for us elderly people!.

…dito isto…, tenham todos um Bom Novo Ano!.

…that said…, have a Happy New Year everyone!.

Tony Borie, Século XXI. (Tony Borie, 21st Century).

2 thoughts on “…agora e aqui! (…now and here)!.

  1. Caro Tony Espero que venha um pouca de calor, para aqueceres os pés. Basta de brincadeira, faço votos, que tu e a familia, tenham um 2023 cheio de saude e de coisas boas. Um forte abraço do Roger

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s